Teatro Municipal ou Casa de Ópera – Sabará/MG

A antiga Casa da Ópera de Sabará é uma das mais excepcionais construções de Minas Gerais. É o segundo Teatro mais antigo do Brasil ainda em funcionamento, possui uma das melhores acústicas de que se tem conhecimento na América Latina e foi construído em plena decadência do Ciclo do Ouro, sem nenhuma ajuda oficial. Sua construção data do século XVIII e em suas linhas arquitetônicas nota-se a influência dos teatros ingleses da época de Elizabeth I, razão de sua denominação popular (Teatro Elizabetano). Possui três andares com 47 camarotes que refletem o espírito de uma sociedade rigidamente hierarquizada, que até no teatro impõe a separação de classes.

O local é famoso não só pela arquitetura, mas também pelos frequentadores ilustres. Em 1831 teve a presença do o imperador Dom Pedro I e da imperatriz D. Amélia. E em 1881 foi a vez de receber Dom Pedro II.

O Teatro é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional.