DNIT recomenda atenção à nova sinalização no lote 7 da BR-381/MG

29/03/2021 – O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) reforça a recomendação aos motoristas que trafegam pelo lote 7 da BR-381/MG, quanto a nova configuração de sinalização rodoviária nesses segmentos. O segmento tem todo o conjunto de obras de arte especiais liberados ao tráfego de veículos, bem como toda a extensão de pistas.

Com o término da duplicação nesse lote, o DNIT faz a instalação de toda a nova sinalização rodoviária, com placas, painéis, pórticos e faixas nas pistas. Agora, os usuários estão deixando de se orientar pela sinalização provisória, que antes delimitava o trânsito pelos trechos em obras, para seguir a sinalização definitiva.

As mudanças seguem o projeto construtivo e oferecem maior segurança aos motoristas, pois passam a definir e orientar a circulação de veículos. A nova sinalização rodoviária, vertical e horizontal, segue o manual da autarquia na mesma configuração usada nas pistas duplicadas da BR-381.

O período ainda é de adaptação dos motoristas e, por isso, seguir a sinalização instalada é fundamental para evitar acidentes. Outra mudança a ser acompanhada é a passagem dos trechos de pista simples ou desvios para pistas duplicadas. É preciso ter cuidados quanto às mudanças de faixas, que devem ser sinalizadas pelos motoristas, ultrapassagens em curvas e o limite de velocidade.

Obras complementares - Os usuários da BR-381/MG devem ter atenção para trabalhadores e equipamentos em movimentação pelo lote 7, entre os municípios mineiros de Barão de Cocais a Caeté, durante a execução de trabalhos complementares. Equipes de trabalhadores finalizam a construção de drenagem, instalação de elementos de sinalização rodoviária, finalização de acessos, entre outros serviços, em trecho de pistas já duplicado. Muitas dessas atividades precisam que as faixas de rolagem sejam interrompidas, estreitando o tráfego de veículos.

Todas as frentes para trabalhos complementares devem estar sinalizadas e identificadas, ficando o motorista obrigado a reduzir a velocidade ao trafegar pelos estreitamentos de pistas. O mesmo se pede para estreitamentos de pista em alças laterais ou vias laterais. Quando os trabalhos forem realizados em comunidades próximas do traçado das pistas, os pedestres devem manter distância e seguir fora de onde o serviço acontece.








© COPYRIGHT 2018 GESTÃO AMBIENTAL BR-381/MG