Moradores participam de treinamento de formação de Brigada de Incêndio comunitária



Foi realizado no mês de Maio, na comunidade Arco-Íris em Sabará, a capacitação de voluntários que atuarão na Brigada de Incêndio Comunitária da comunidade Brumado. O curso aconteceu em parceria do DNIT, Consórcio BRASIL/MOTA/ENGESUR e Gestão Ambiental das obras da BR-381/MG e contou com a participação de 10 brigadistas voluntários.

O conteúdo trabalhado no curso teve por objetivo atender às necessidades dos moradores, em relação às constantes queimadas que ocorrem todos os anos na vegetação no entorno da Comunidade Brumado. Foram abordados no curso técnicas de prevenção e combate a princípio de incêndio, abandono de área e primeiros socorros, visando, em caso de ocorrência, proteger a vida e o patrimônio e reduzir os danos ao meio ambiente até a chegada do socorro especializado.

Os brigadistas voluntários receberam certificação com 16 horas, entre conteúdo prático e teórico. Em dois dias de curso, foram aplicadas aulas práticas de primeiros socorros, combate a princípios de incêndio na residência e em área florestal, e também o uso correto dos extintores de incêndio.

O Curso da Brigada de Incêndio foi ministrado pelo profissional Sávio Jader César Gonçalves, bombeiro militar durante 5 anos, enfermeiro e especialista em resgate e combate a incêndio.

Importância para a comunidade

Segundo Silvana Alves, moradora e líder da comunidade Arco-Íris, o treinamento é de grande importância pois reforça a ação que os moradores podem tomar durante uma ocorrência de incêndio. “Nossa comunidade é cercada de muita área verde, e é muito importante que as pessoas cuidem do local. Com o treinamento, montamos uma equipe capaz de compartilhar as informações e atuar na prevenção e combate às queimadas. Principalmente o treinamento prático, é muito importante para conhecermos os equipamentos e saber como usá-los”, ressalta a moradora.


Para o enfermeiro Sávio Jader, responsável na produção e execução do curso, esses treinamentos são importantes para que os moradores das comunidades possam reconhecer as situações de risco da área, e então atuar de forma segura, sem que haja uma exposição que leve ao risco das pessoas. “Por essas comunidades estarem em uma região de mata preservada, há ainda um impacto positivo na preservação da fauna e flora do local”, ressalta Sávio.

Relação com a BR-381/MG

Localizada às margens da BR-381/MG em Caeté e Sabará, a região da comunidade Brumado engloba diversas zonas rurais, entre elas: Arco-Íris, Santo Antônio, Nações Unidas, União e Ravenópolis. Segundo Everaldo José dos Santos, engenheiro de segurança do Consórcio BRASIL/MOTA/ENGESUR, responsável pelas obras do Lote 7, Silvana procurou a construtora para expor o problema constante das queimadas na vegetação no entorno da comunidade e solicitou o apoio no treinamento para formação de uma brigada composta por pessoas da comunidade. “A empresa Construtora Brasil entende que, a partir da formação desse grupo especializado, os integrantes desta Brigada terão a certeza de que estarão minimizando os riscos de incêndio. O treinamento foi oferecido como boa prática, em uma relação que irá trazer benefícios para a rodovia, usuários, comunidade e para a obra”, concluiu.

#incendio #treinamento #brigada #comunitaria #br381 #dnit

© COPYRIGHT 2018 GESTÃO AMBIENTAL BR-381/MG